aveli.com .br 1
aveli.com .br 1

5 tipos de Influenciadores Digitais [Nano, micro, macro… ]

As últimas estatísticas revelam o quão surpreendente é o mercado de influenciadores digitais em todo o mundo.

Em 2021, estima-se que esse mercado tenha movimentado quase US $13,8 bilhões no ano. Em 2019, o volume de conteúdo patrocinado no Instagram estava projetado para 6,2 milhões de postagens.

No YouTube, entre 2019-2020, estima-se que os gastos com marketing de influenciadores tenha sido algo em torno de US $6,6 bilhões.

Todas essas estatísticas indicam o monstruoso potencial desse mercado. Por isso, nos últimos anos, cresceu cada vez mais o interesse de usuários em gerar conteúdo para obter renda por meio das redes sociais atuando como influenciador.

Mas, em meio a tantos influenciadores, surge a pergunta: são eles todos iguais? É possível categorizar ou classificar esses influenciadores digitais?

Neste guia, respondemos quais são os tipos de influenciadores digitais, suas características e quanto eles ganham. Confira.

O que é um influenciador digital?

Influenciador digital é alguém capaz de influenciar sua audiência com suas opiniões, estilo de vida, consumo e outras decisões em geral.

Como pode perceber, não existe um número mínimo de seguidores para dar esse título a alguém. Exercer influência é a principal característica que determina se alguém é ou não um influenciador.

Influenciador digital pode abranger celebridades, atletas, artistas, modelos, designer e outros mais, embora não se limite a essas figuras.

No Brasil, podemos citar como exemplos de influenciadores digitais a Virgínia, Carlinhos Maia e, mais recentemente, o Luva de Pedreiro.

Todas essas pessoas são cobiçadas por marcas e empresas para anunciarem seus produtos para o seu público, pois, das duas, uma, ou exercem forte influência na decisão de consumo da sua audiência, ou possuem um potente alcance publicitário.

Essas pessoas atuam ativamente em redes sociais como Instagram, TikTok, YouTube, Kwai e outros semelhantes. A maioria delas estão presentes em todas essas plataformas, mas, geralmente, possuem maior influência apenas em uma ou duas delas.

Quais são os tipos de influenciadores digitais?

Agora que você sabe o que é um influenciador digital, conheça os tipos e suas características.

Podemos classificar os tipos de influenciadores digitais por seu número de seguidores, conforme a seguir:

  • Megainfluenciadores: com mais de um milhão de seguidores (pense em celebridades).
  • Macroinfluenciadores: com 500 mil a 1 milhão de seguidores.
  • Influenciadores de nível intermediário: com 50 mil a 500 mil seguidores.
  • Microinfluenciadores: com 10 mil a 50 mil seguidores.
  • Nanoinfluenciadores: com 1.000 a 10.000 seguidores.

Se você é um, tente identificar em qual classificação você pode estar inserido. Logo mais, vamos detalhar as características de cada tipo.

Megainfluenciador.

Sendo usuários com mais de 1 milhão de seguidores, os megainfluenciadores possuem uma robusta audiência e gozam de privilégios como selo de verificado, muitas curtidas, comentários e visualizações.

Além disso, suas publis costumam ser as mais caras, pois eles são considerados referências em seus nichos de atuação ou conteúdo, exercendo forte influência direta e indireta por meio dos seus conteúdos.

No entanto, esses influenciadores, ao contrário do que sugere o senso comum, não possuem altas taxas de engajamento em suas postagens.

Calculadoras de taxa de engajamento e pesquisas revelam que megainfluenciadores apresentam, em média, taxas de engajamento de apenas 0,8% em suas postagens.

Sua taxa média de alcance de postagem em relação aos seus seguidores está em torno de 8,3%, podendo atingir milhões de pessoas com uma única postagem.

As estatísticas mostram que, à medida que o número de seguidores de uma conta aumenta, proporcionalmente menor será a sua taxa de engajamento.

Sendo assim, é característica desse tipo de influenciador ter baixa taxa média de engajamento por postagem.

Macroinfluenciador.

Macroinfluenciadores costumam abrigar subcelebridades e outros influenciadores que estão em ascensão em meio ao seu nicho de mercado.

Eles também possuem grande potencial de alcance, uma grande audiência e suas publis tem preços altos, mas, não tanto quanto os preços de um megainfluenciador.

A taxa média de engajamento desse tipo de influenciador está em torno de 1,3%, isto é, um pouco mais elevada que a de um megainfluenciador.

Sua taxa média de alcance de postagem em relação aos seguidores é também maior que a de um megainfluenciador, sendo de aproximadamente 10,1%.

Estes são influenciadores em que marcas podem apostar em sua ascensão, pois eles já possuem uma grande audiência, mas ainda aspiram por mais popularidade.

Influenciadores médios ou intermediários.

Influenciadores intermediários estão em uma fase em que seu nicho está claramente definido, além de serem autoridades em seu setor.

Eles certamente estão atuando em tempo integral, seja como influenciador ou criador de conteúdo. Suas postagem refletem alta qualidade e já atuam com suporte de uma equipe.

Esse tipo de influenciador oferece às marcas um amplo alcance e um pouco mais de engajamento do que os macro ou megainfluenciadores. Sua taxa média de engajamento está em torno de 1,6%.

A taxa média de alcance de postagem de um influenciador médio é de 16,8%, o que equivale a aproximadamente um alcance entre 16,8 a 80 mil pessoas com uma única postagem.

Sua principal característica é que eles já passaram anos sendo nano e microinfluenciadores, por isso, possuem muita experiência e conexão com o seu público.

Microinfluenciadores.

Essa categoria de influenciadores é marcada por sua taxa de engajamento um pouco maior que os demais influenciadores (mega, macro e médio), sendo algo em torno de 2%.

Sua taxa média de alcance de postagem é de 20,3%, podendo uma única postagem chegar a um público entre 2.030-20.300 pessoas.

Eles possuem uma conexão íntima com sua audiência e já possuem acesso a alguns recursos exclusivos do Instagram.

Seu conteúdo, geralmente, é menos polido e provavelmente não estão trabalhando em tempo integral como influenciadores, embora estejam muito próximos de estarem vivendo só disso.

As marcas podem se interessar por esse tipo influenciador digital por causa da sua taxa de engajamento, sua proximidade com a audiência e também por suas publis serem mais baratas que as dos demais.

Nanoinfluenciadores.

Os nanoinfluenciadores estão começando a longa jornada para se consolidar como influenciador digital. Eles provavelmente têm um emprego e usam as horas vagas para atuarem em suas redes sociais ou canais.

Seu nicho de atuação ainda está em processo de construção e pode mudar ao sabor dos ventos. À medida que novas tendências vão surgindo, é possível que você assista esses influenciadores mudarem bastante o seu tipo de conteúdo.

Ao contrário dos demais, são os que possuem a maior taxa de engajamento, chegando a 4%, e os custos das suas publis são mais baratos, às vezes, podendo ser parcerias em troca de produtos ou benefícios.

Sua taxa média de alcance de postagem é a maior de todos os tipos de influenciadores digitais anteriores, sendo algo em torno de 33,8%, o que equivale a um alcance de aproximadamente 3.380 contas por postagem.

Geralmente, são procurados por negócios locais que estão em busca de pessoas que possuem influência dentro de uma determinada cidade e, ou, região.

Quanto ganha cada tipo de influenciador?

Ainda não existem fontes confiáveis capazes de esclarecer essa dúvida. A verdade é que esse valor varia para cada tipo de influenciador e o trabalho que terá.

No entanto, o site influce.co apresenta uma pesquisa espontânea contendo dados fornecidos por influenciadores de todo o mundo em que é possível ter uma ideia.

A moeda padrão é o dólar americano e você encontra vários filtros em que é capaz de encontrar os valores atribuídos a cada publi, de acordo com o que está buscando.

Filtrando o Brasil, por exemplo, até a presente data, é possível encontrar dados referentes a 591 influenciadores que, voluntariamente, deixaram sua contribuição.

A maior parte deles cobram entre 51-150 dólares por postagem. Mas isso pode variar de acordo com o seu número de seguidores, nicho de atuação, tipo de trabalho e outros.

quanto cobra um influenciador digital
Fonte: influce.co.

Mas não é só de publi que vivem os influenciadores! Muitos deles atuam no YouTube, por exemplo, e ganham dinheiro com o programa de parceiros do Google.

Outros também atuam no mercado de afiliados, promovendo produtos de parceiros e recebendo comissões por cada venda indicada.

Mais recentemente, o Instagram também passou a integrar a possibilidade de assinaturas para conteúdos exclusivos, e esse novo recurso em breve estará disponível para todos os países, sendo mais uma fonte de renda para influenciadores e criadores.

Tudo isso varia, por isso, é importante analisar individualmente cada realidade, pois como qualquer negócio, existem custos e outros elementos embutidos que devem ser considerados no momento de negociar um trabalho.

Conclusão

O marketing de influência é um mercado bilionário que está em alta no momento. Marcas e empresas sempre estão à procura de influenciadores, de todas as categorias, para fazer trabalhos publicitários.

Neste guia, você pôde descobrir os tipos de influenciadores digitais, suas características e quanto eles podem ganhar por cada trabalho publicitário.

Se você é um influenciador, é de suma importância conhecer em qual estágio se encontra, e se você é uma marca ou empresa em busca de um influenciador, conhecer cada categoria pode auxiliá-lo em sua tomada de decisão.

Conte nos comentários abaixo se você é um influenciador e em qual estágio se encontra, ou se é uma marca e qual tipo mais lhe interessou.

Você curtiu?